Já Curtiu?

Curta Também!

Parceiros

GEARS OF WAR 4: Novos modos MULTIPLAYER

Moises Dicas, Notícias 57 visualizações
gears-of-war-4-multiplayer-beta-new-modes-dodgball-escalation-preview-exclusive-507954

De acordo com Marcus Fergusson, chefe de desenvolvimento do estúdio The Coalition, Gears of War 4 foi desenvolvido como três grandes games separadamente: a campanha, que traz uma história incrível e muita ação, o modo Horda 3.0, que está melhor do que nunca, e o modo multiplayer, que foca tanto em novos jogadores e em confrontos mais sociais como no eSport com o competitivo modo Escalation.

Passamos uma tarde inteira no estúdio The Coalition, em Vancouver, no Canadá, e jogamos muito deste modo que vai embalar as partidas profissionais de Gears of War e também nos divertir com uma competição saudável e divertida com os amigos.

Gears profissional

Para a série Gears, desde 2006, a parte competitiva online é importante e para Gears of War 4, tudo foi repensado do zero. “Para nós, eSports são a união da comunidade de jogadores, dos casters e do público que assiste”, afirma Rod Fergusson, chefe do desenvolvimento do jogo. “Por isso focamos em criar um novo modo de espectadores, para atrair pessoas para assistirem aos torneios e casters, que poderão transmitir as partidas de modo muito mais simples. Há recursos melhores para mudar a câmera do jogador e também acompanhar o que acontece no mapa”.

Há também um novo sistema de matchmaking para evitar que jogadores novatos acabem em partidas contra os mais experientes e profissionais. Tudo é dividiso em Tiers dentro de cada ranking, similar ao que acontece em League of Legends, por exemplo. Com o Tier de Bronze, que é o mais baixo, você joga apenas com pessoas deste nível e o mesmo acontece com o Prata, Outo, Diamante e etc. O objetivo é manter o equilíbrio e as pessoas interessadas em continuar jogando.

Haverá listas cooperativas, em que você jogará contra bots, listas sociais sem ranking competitivo e as competitivas. Tudo para dar opção para que todo o tipo de jogador se sinta em casa. Você vai poder jogar tudo com tela dividida ou em rede local (LAN), da mesma forma que o modo Horda e a Campanha.

Entre os modos de jogo que incluem o divertido Dodgeball (na qual jogamos no começo do ano) e os tradicionalíssimos King of The hill e Execution, está o Escalation, pensado nos eSports.

Neste modo, um dos times precisa capturar três pequenas áreas representadas por um anel que estão espalhadas pelo mapa — como em King of the Hill. Ao conquistar um local, o time começa a ganhar pontos e vence o primeiro a chegar a 210 pontos. Contudo, o primeiro time que conseguir pegar as três áreas vence, o que aumenta a competitividade: mesmo quem pode estar perdendo de lavada tem chance de virar a partida desse modo.

As partidas acontecem em “melhor de sete”, dando a vitória para a equipe que chegar sete primeiro, obviamente. A cada seis partidas, independentemente do número de vitórias, há um intervalo. Isso acontece por alguns motivos: a cada rodada, o tempo de renascer (respawn) aumenta em dois segundo e, também a cada rodada, o jogador de maior pontuação do time derrotado pode escolher uma arma a mais para ser colocada no cenário. Apenas o equipe dele vai saber onde o equipamento está, mas nada impede de os adversários a encontrarem. Assim, a cada intervalo, essas armas somem e o tempo de renascimento volta ao normal.




Cena de batalha do modo Escalation de Gears of War 4

O sistema de mapas será o mesmo dos outros modos multiplayer e do Horda 3.0: o game chega com 10 mapas e haverá uma espécie de curadoria para que eles mudem com o tempo, tudo sem custo algum do jogador. A ideia é ser uma espécie de Netflix, com conteúdo indo e vindo com o passar do tempo. Quem quiser pode comprar o mapa favorito separadamente, mas ele só vai funcionar em partidas privadas. No caso disso, apenas um dos jogadores do grupo da LAN precisa ter comprado os mapas.

Tela do modo de espectador do competitivo de Gears 4

Corrida de armas

Um dos novos modos apresentados à imprensa no estúdio The Coalition foi o Arms Race e, assim como o Dodgeball, ele é muito divertido e gostoso de jogar mesmo que você não tenha um alto nível de jogo.

No Arms Race, você vai ter que jogar uma partida de equipes em que, a cada três mortes de membros do time adversário, suas armas e a de seus companheiros trocam, passando por todas as 13 armas do jogo. Isso exige ter táticas em conjunto, pois pode haver um momento em que seu time está com uma Overkill, de curto alcance, e os adversários estão com um rifle de longa distância. Como conseguir vantagem assim? Nos testes, não foi fácil tentar vencer essa situação pois quando tentávamos correr com nossas espingardas em busca de um ponto de proteção, ficávamos expostos para tomar tiros na cabeça.

Este modo também é excelente para que possamos aprender a jogar todas as armas presentes em todos os modos de jogo e em como podemos traçar estratégias de combate com cada uma delas.

Contudo, meu modo favorito ainda é o Dodgeball, em que você tem partidas bem rápidas. Ganha quem eliminar todo o time adversário e, a cada “kill” seu, um integrante morto do seu time volta. É intenso, insano e muito gostoso de jogar.

 

Fonte: br/ign

Você também pode gostar de...

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE